Microconto #547

A primavera foi embora ontem a noite. Levou a mala cheia e o coração vazio.
Disse que não voltava mais.

Microconto #546

Numa travessa ali na Paulista, num condomínio ali da Bela Cintra, num apartamento ali do 9º andar, amanhece um inverno fora de época.

Microconto #545

Saiu de mansinho pra trabalhar. Era domingo, 5 da manhã e um frio danado lá fora. Preferiu não acordar ninguém. Mas teria dado um beijo nos filhos se soubesse que não ia voltar.

Microconto #544

E num planeta distante,
numa galáxia mais ainda,
a maior guerra atômica estourou.
Aqui na Terra,
além da gangorra,
nada mais mexeu.

Microconto #543

Na sala,
numa extensão de sol que entrava pela cortina,
partículas de poeira dançavam a solidão.
Lá fora,
mais um cachorro mijava no poste.

Microconto #542

Na festa de sete anos do Juninho,
as crianças se afogam em alegria,
os balões colorem a lembrança
e os doces alimentam a infância.