Microconto #644

Gosto quando as mentes querem, mas não se esforçam.
Gosto quando os dedos querem, mas não tocam.
Gosto quando as bocas querem, mas não falam.
Gosto quando os olhos querem, mas não olham.
Gosto quando os corpos querem, mas não se mexem.
Gosto quando as coisas desacontecem, mesmo quando deveriam acontecer.
A imaginação nada mais é do que nossa realidade em potencial.

Nenhum comentário: