Eu queria girar em volta de você

- Você tem medo do que?
- Das pessoas não me perdoarem.
- E o que você fez de tão ruim assim?
- E o que eu não fiz de tão bom, seria a pergunta certa.
- Mas é lua cheia. As pessoas vão olhar pra cima a noite toda.
- Eu nunca olhei ninguém nos olhos.
- É disso que você tem medo?
- É disso que eu tenho menos coragem, seria a resposta certa.
- Você já roubou alguma vez na vida?
- Não, mas já fui roubado. Que é a mesma coisa. Só que ao contrário.
- Uma vez eu guardei pessoas dentro de mim, sem pedir.
- E o que aconteceu? - Perguntou Fabrício olhando pra Lua.
- Elas escorreram.
- É. As pessoas que não estão mais com a gente viram água do mar na nossa cara.
- Qual sua maior coragem?
- Não ter coragem, eu acho.
- Já reparou que é Lua cheia?
- Aquela não é a Lua. É a lâmpada do poste.
- Então a gente é tipo inseto?
- Eu queria girar em volta de você.
Ela sorriu.
- Que foi?
- Meu nome é Solange. Mas pode me chamar de Sol.
Os dois continuaram olhando por um bom tempo, cada um, seu Astro particular.

3 comentários:

Anônimo disse...

Descobri o seu blog a pouco tempo e já posso dizer que é uma inspiração! Parabéns.

Tiago Moralles disse...

Ah, sério?
Que coisa boa.

Anônimo disse...

Sim, sério. Obrigado pelos texto! Não pare, por favor.