Microconto #414

Num momento incerto
em um certo parque,
entre o grande Ipê
e a pequena moita,
um feixe de luz abriu uma passagem pro futuro.
Ninguém viu.

4 comentários:

Marcela disse...

Meu Amor, vc se supera! Me pergunto... de onde vem tanta perfeição? idéia? talento? Beijos Marcela

pitombo disse...

mto bom, Tiago

Renata de Aragão Lopes disse...

um portal
ignorado

que dó...

beijo,
doce de lira

Moni Saraiva disse...

O futuro engole. Rápido.

Beijo, moço!