Você é uma secreção incolor e salgada, produzida pelas glândulas lacrimais, pra umedecer meu passado

Existem muitos jeitos de desaparecer da vida de alguém. Mas, nenhum deles se compara com virar lágrima. Quando você vira lágrima, você escorre pra fora e não consegue mais escorrer pra dentro.

Lágrimas são pessoas que a vida espreme pra fora da gente. Por mais que você espere, por mais que você peça, por mais que você tente. Quando você vira lágrima, você desaparece pra sempre.


Toda vez que eu penso em você minha boca salga. A maresia da saudade me enjoa. Não adianta mais eu implorar. Você escorreu de mim. E de todas as coisas que o amor permite, a única que não vai acontecer, é você voltar.

2 comentários:

Lai Paiva disse...

Fazia muito tempo que eu não aparecia por aqui, quanta coisa linda eu perdi de ler. Este aqui é tão, tão, tão tocante. Tão eu e tão tanta gente por aí. Belíssimo! Bravo! Adorei!!!

Tiago Moralles disse...

Que coisa boa. Apareça mais e mais e mais.