Twitter, pra quê?

.
.
Era essa minha mente quando fiquei sabendo sobre o Twitter, mais uma ferramenta de rede social conhecida como microblogging. No começo eu não mexia (tá, tudo bem, confesso, não sabia o que era), mas que depois por curiosidade passei a fuçar.

Gosto de escrever, mas muitas vezes não só por falta de tempo, acho que a objetividade é importantíssima. Pra quem não conhece, lá, o usuário se comunica escrevendo um texto dentro de um espaço amostral de 140 caracteres. Incluir links, falar sobre o dia, o tempo, a internet, a vida, o mundo, a blogosfera, as tendências, qualquer coisa que caiba nesse espaço, é como parafrasear Voltaire, filósofo francês, "Escrever é a arte de cortar palavras." (genial como exercício para quem busca ser sucinto).

Recentemente tomei conhecimento pelo próprio Twitter, sobre um concurso de micro contos. Escrever algo interessante, engraçado, sem ou com sentido, sei lá, qualquer coisa, mas que caiba em 140 caracteres. Bem, na verdade não são exatamente 140, pois no Twitter existem as tags de busca, e para participar do concurso era necessária a inclusão da tag #140, o que já diminuía seu espaço para 136 caracteres, e se você for metódico como eu, vai dar um espaço depois da tag e vão te restar assim, somente 135.

A graça toda foi começar a escrever e descobrir que viraria um hobby. Gostei da idéia, e seguindo o momento, como o concurso já acabou, será criada a partir de agora uma nova categoria aqui no PENATES, "Microcontos". Continuarei utilizando a temática de 135 (140) caracteres. Vou republicar os que já foram feitos para o concurso e assim que os inéditos chegarem, publicarei-os simultaneamente no Twitter
também, identificados pela tag #mc.

Então é isso, espero que gostem e “sigam-me os bons”.

6 comentários:

Sentir disse...

Humm tag própria, gostei.
Vou pensar uma pr'os sentidos
(de pseudo a micro-contista).

Gruda em TI que não tem erro.

;)

Tiago Moralles disse...

Viu lá, tag própria haha.

Liliane Ferrari disse...

Tô nessa! beleza MC Tiago!!!!bjs

Tiago Moralles disse...

Somos nós (vulgarmente conhecido como "é nois") hehe.

ideiasexplosivas disse...

cara, eu tb perguntava: "twitter pra quê?". só consegui entender o potencial da ferramenta (e comecei a usar) depois que eu li esse ebook da geekpreneur: http://ideiasexplosivas.wordpress.com/2008/06/20/twitter

c/ certeza, vale a pena dar uma olhada

abraços

Tiago Moralles disse...

Vou conferir com certeza.