Microconto #185

Depois do acidente todos conheceram o seu interior.

25 comentários:

Natalya Nunes disse...

Ti, não venha me dizer que o que importa é a beleza interior pq isso não cola, viu..rs

Tiago Moralles disse...

Na verdade, esse meu interior, eu imaginei com muito mais tripas hehe.

Vinícius F. Magalhães disse...

Gostei!

Estefani disse...

Ai Ti,



Do romantismo a tragédia... Só você mesmo...hehe



Esse interior ai não gosto de ver não.

E ainda me faz lembrar dos filmes que tive que assistir nas minhas aulas de CFC... Afff!!!!



Beijo

Tiago Moralles disse...

Opa, estamos entrando no ritmo hehe.

Victor Carvalho disse...

Beleza interior é o caralho. Né, não?

Marcelo Mayer disse...

boa

Daiana Costa disse...

Digno de filme trash.

Nara Sales disse...

aaaaaaaaaah ;~

João Marcelo disse...

Hora do almoço. Alguém aí anima uma macarronada?

fernandoluz disse...

http://www.instantrimshot.com/ mas #euri :)

Bruno Philipppsen disse...

Bonito isso! Só vê sangue quem quer... Microliteratura da boa, man!

Tiago Moralles disse...

Valeu pessoas.
É Brunão, bem observado.

Camila de Souza disse...

O meu acidente foi a palavra trocada. O meu interior foi pior que muitas tripas.

Ti, denovo, formando opiniões e visões diferentes.

Renata de Aragão Lopes disse...

Adoro
quando o microconto
vem ambíguo...

Diu Mota disse...

Quem não se acidenta nessa vida se trumbica!
inté!

Fê Colcerniani Justo disse...

kkkkkkkkkk
Nossa.... acho maior graça nos seus minicontos, secos, trágicos, ao ponto! adoro!

Felipe A. Carriço disse...

Alguns traumas nos deixam mais abertos.

L.G. disse...

subjetivamente falando acho que nem sempre, alguns preferem fingir que nada aconteceu. me lembra uma frase de House "Quase morrer não muda nada. Morrer muda tudo."
Bem, enfim, faz pensar.

Natália Corrêa disse...

E cada um levou consigo uma lembrança.
Eu fiquei com um rim :D

A Moni. disse...

Prefiro morrer incógnita.
Não queria ir deixando os outros sabendo o que nem eu pude ver.

P.S.: Tá de mal, é? Visita mais não?
Humpf!

Tiago Moralles disse...

Bem, a frase do House acima diz bastante, acho que vale pensar.

Ilhados Aqui disse...

ando divulgando meu blog e minhas músicas... se quiser se arriscar.. http://ilhadosaqui.blogspot.com/

Fernando Segredo disse...

E o legista disse: vamos por partes.

-blyef disse...

abriu-se de corpo, pena que a alma já o deixara