Depois do fim

Só me deixa aqui, agora, com um suco na mão. Assistindo televisão, antes de ver você partir.
Fecha a porta, sem bater.
Acho que meu o coração não aguenta o ruído na solidão.
- Vai lá. Seja feliz, eu disse baixinho, mas a porta já estava fechada e a solidão também emudeceu qualquer tentativa de grito.

4 comentários:

Iasnara disse...

ah finais (in)felizes...
me vejo em algum lugar entre vírgulas e pontos.

Tiago F. Moralles disse...

Talvez esteja.

Rodmoralles disse...

Caramba! Quase consegui ouvir o som dos passos da pessoa que estava indo embora.

Tiago F. Moralles disse...

Isso é bom.