Microconto #347

Sobrou da festa seis garrafas órfãs, dois cinzeiros cheios de histórias e algumas pessoas com vestígios de libertinagem.

5 comentários:

Vinícius F. Magalhães disse...

Tudo na desvirginada noite.

Luana Almeida disse...

Aconteceu coisas.

Flores!

Angélica Lins disse...

Quase Jorge Amado (eu disse , quase).

=)

Tiago Moralles disse...

O quase é pelo Jorge ou pelo Amado?

Moni. disse...

Saldo positivo, penso.

Saudade daqui também.
[sorte ser resolvível!]
;-)