Microconto #255

De um lado da cama o marido deita com perfume etílico.
Do outro, a mulher finge dormir pra ignorar qualquer sensação.

17 comentários:

Gordinha disse...

Melhor do que se ele chegasse e batesse nela. E numa dessas ela acaba dormindo por tabela!

Bjs!
=D

Tiago Moralles disse...

Pode ser uma sensação de dor.

Lívia Azzi disse...

É essa dicotomia que nos atrai, a mistura entre presença/ausência, completude/incompletude, dependência/independência, encontros/desencontros...

Mas se o tédio e a monotonia apresentam-se como constantes, é chegada a hora de levantar-se da cama e dar uma chance para outros aromas!

Vinícius F. Magalhães disse...

Pode ser uma sensação de perfídia. O perfume da traição.

Renata de Aragão Lopes disse...

Coitada!
Falta-lhe atitude.

Tiago Moralles disse...

Essa é uma hora que falta muita coisa.

Priscila disse...

Oii Primo. Estava dando uma passada aqui. Achei o blog MUITO legal, tudo muito criativo. Parabéns!

Tiago Moralles disse...

Olá mocinha, que bom ter você por aqui.
Passe sempre, vou querer mais sua opinião.
Microbeijo.

Lila disse...

Falta-lhe td...do outro e dela mesma.

Bjs meus !

Luciana Brito disse...

E essa evitação vai se transformando em vazio e no fim, talvez não sobre nada positivo.

Beijo!

Ale Danyluk disse...

É a embriaguez da vida desencontrada...
Beijoooooo
Ale

Tatá R. da S. disse...

Conheço essa história...
Mas se eu fosse ela dormiria bem longe.
No fim das contas são dois conhecidos.

Casa de Mariah disse...

e assim comemoram bodas de prata.

Tiago Moralles disse...

Lila, sempre falta.
_

Lu, e quando sobra?
_

Ale, isso quando a gente não bebe pra se encontrar.
_

Tatá, quanto mais a gente conhece, mais a gente não gosta.
_

Mariah, comemoram e brindam.

Microebeijos.

Ana Marques disse...

O amor é lindo, não é?

Até que o tempo, a rotina, a mesmice, a desilusão, o fim dos sonhos, o eterno ceder e a sociedade...

o deixem feio. Talvez como sempre tenha sido.

Falamos sobre rotina essa semana na Confraria dos Trouxas (htp://confrariadostrouxas.blogspot.com). Assunto corriqueiro (pleonasmo, né?) e difícil.

Beijo.

Ana

Tiago Moralles disse...

Verei.
Microbeijos Aninha.

Felipe Carriço disse...

Ela dormia tão embriagada quanto ele.