Microconto #325

Depois da briga,
no espelho quebrado,
ela se conforma com o futuro,
num mosaico de hematomas.

14 comentários:

Ju Fuzetto disse...

Doida e totalmente doída! beijo Ti

Laura K. disse...

Espelho quebrado dentro de casa da azar. Um futuro de pouca sorte, portanto.

Tatá R. da S. disse...

É o gozo escondido no sofrimento.
=*

Tiago Moralles disse...

Pedaços de dúvidas.

Marcelo R. Rezende disse...

Esperando que o espelho diga o contrário.

Lúu Almeida disse...

lembrará sempre desse dia.
Sempre maravilhoso Ti.

Flores!

Renata de Aragão Lopes disse...

Saudades daqui!
Lerei todas as postagens perdidas!

Beijo,
Doce de Lira

Tiago Moralles disse...

Saudade de ti por aqui.

Leti B. disse...

Adoro seus microcontos!

Fernando Luz disse...

Um sadismozinho pra apimentar a relação não faz mal pra ninguém, né?

Cala a boca e concorda com a cabeça.

Tiago Moralles disse...

Cala a boca e concorda com a cabeça é bem sádico hehe.
_

Leti, brigado.

Pedro disse...

E ainda tem os sete anos de azar...

Tiago Moralles disse...

Que por sinal começaram antes do espelho quebrar.

Ana Marques disse...

... e 7 anos de azar.

(será que demora tudo isso para curar os hematomas?)