A você o que é seu

Como assim você vem e muda tudo? Até parece que é tudo seu.
Eu tava muito bem aqui até você chegar.
Sozinho, isolado, no escuro.
Um simples escritor fadado a solidão como qualquer outro que se preze.
Mas não.
Tinha que chegar você. Com esse jeito ímpar, que além de única, é notória.
Tava eu aqui, deprimente, sórdido, taciturno. E de repente,
um brilho todo diferente ilumina a minha vida.
E tão rápido como vem,
vai.
Aí,
agora,
ao invés de escrever coisas frias, tristes e melancólicas como eu tava acostumado e satisfeito,
não.
Fico a vagar em parques, praças, no meio da multidão,
esperando calor, cor e inspiração,
pra escrever, iludidamente, poemas, versos e cartas,
de solidão,
claro.
E,
aqui sim, tudo é seu.
Tudo.
Que ao mesmo tempo não é nada.
Nem pra mim,
muito menos pra você.

15 comentários:

Natalya Nunes disse...

Esse amor que chega ser avisar
não pede licença, entra sem bater,
mas inspira e transpira inspiração... e o que bate mais forte é o coração...
é como um dia ensolarado ou, até mesmo uma tempestade na contramão...
E querendo ou não, quem ao menos tem alguém para gostar, sente sua presença, até quando está na solidão...
****************************

Tiago, como é bom começar o dia com uma dose de romantismo! (:

Muito lindo teu texto!

PS: viajei no comentário..rs...

Tiago F. Moralles disse...

Não viajou não, às vezes lemos coisas que nos fazem soltar o que está preso, vai ver foi só isso que aconteceu.

Gordinha disse...

Nossa! Nem sei o que comentar. Muito bonito, gostei de verdade!

Bjs
=D

Felipe A. Carriço disse...

Seja romântico ou taciturno, o que não pode morrer é o dom do lirismo.
Errado é pensar que você é aquilo e ponto, uma vez que, em uma unica folha em branco, estão escondidas nas entrelinhas mil histórias que revelam a arte do contar.

Natalya Nunes disse...

Olha só, não é só eu que estou deixando meu 'eu-lírico' entrar no lugar do 'eu-internético'.

Todo mundo ta sensível hoje! =)

Fernando Luz disse...

Nada como um escritor apaixonado. :) (2)

Gessica Borges disse...

Tiago rima com apaixonado.
E agora (sem mais surpresas), com "conto romântico" também =D
Yeah baby!

Lelli Ramz disse...

Queridoooo,


eu vim para q tenham vida e a tenham com abundÂncia...

abundância de calor... de amor.. tesão...

bjinhus, amores e solitudes

Lelli

Tiago F. Moralles disse...

Comentários românticos e quentes.
Onde esse post vai parar?

Estefani disse...

Nossa!!! Adorei... sabe que isso não me é estranho?? haha :)

Beijos no coração.

Iasnara disse...

ai ai o amor...

Tiago F. Moralles disse...

Nos tempos de cólera.

Mônica disse...

que bonito...

A beleza do erro puro do engano da imperfeição disse...

Às vezes finjo que é pra mim as coisas bonitas que leio por aí. E assim o que não tiver dona eu vou roubando e guardando para ler quando quiser. E sigo tranquila, afinal achado não é roubado.

Ana disse...

E às vezes parece que é de mim o que leio por aí.