Microconto #233

Quis pensar algo bom, pra ver se a gente saia dessa merda.
Mas sua mente sempre me joga no passado,
cru,
frio
e
obviamente real.

7 comentários:

calvinfurtado disse...

show os posts. bons mesmo. parabéns. microabraço.

Matheus W. disse...

Pq as pessoas nunca esquecem? Seria tão mais fácil...

Ribeiro Pedreira disse...

"o passado é uma roupa que não nos serve mais"

Tiago Moralles disse...

Valeu "Calvin".

Renata de Aragão Lopes disse...

Os monstros do porão...

De que falei
no poema "Soluço",
publicado no doce de lira.

Beijo!

Marcelo Mayer disse...

dá nela! ou peça pra ela dar

Felipe A. Carriço disse...

Algumas vezes, outros mundos parecem estar mais perto do que a realidade convém.