Sempre há riscos

- Volta aqui seu filha da puta, cretino, otário, sem noção.

Ela insistiu nisso mais ou menos umas três vezes, como se a porta fechada há alguns minutos, a jornada do elevador ao térreo e o carro que já dobrava a esquina, fossem permitir que ele ainda ouvisse.

Poucos segundos depois, estava refletindo o porquê demorou tanto para gritar. Medo que ele soubesse seus reais sentimentos? Medo que ele soubesse que daquele jeito ela não ia viver muito tempo? Medo que ele soubesse que ela tinha medo? Medo do medo? Ou seria, simplesmente medo?

Ainda estava com o cheiro do suor dele no corpo, o gosto do sexo na boca e o eco das últimas palavras ao pé d’ouvido - eu tô sem grana de novo.

21 comentários:

Estefani disse...

O medo de perdê-lo para sempre.

Beijo

Renata Levy disse...

Não misture prazer com negocios querida...

Vivian disse...

...se fosse por amor,
não haveria o stress!

mas...

bj, querido!

Tiago Moralles disse...

Mas será que não tinha amor?

Talita Prates disse...

O "de novo" entregou tudo:
ela se apaixonou, coitada.

Bjo, Ti.

Rodrigo Cunha disse...

Fala, Tiago, beleza? Cara, descobri seu blog por acaso e curti muito! Por incrível que pareça, eu também estava escrevendo um post com uma pauta bem parecida com esta última sua, estou até com receio de postar para não parecer cópia huauha. Seus textos são inspiradores, parabéns!

Mari Magno disse...

eu já vi que tava apaixonada só pelo: "Volta aqui seu filha da puta, cretino, otário, sem noção."

hehe.

Dani Brito disse...

É impressão minha ou ele foi embora e deixou ela pagar o motel? rs...
Bom, quem não arrisca não petisca, né.

Beijos

Tiago Moralles disse...

Várias formas de descobrir que se ama.
_

Que isso Rodrigão, posta lá, e manda o link pra eu ver.
Obrigado pela visita e pelo carinho.
Microabraço.

Felipe Carriço disse...

HAUHAUAH...

Fiado, só amanhã.

Camila Luchesi disse...

Adorei seus textos!
Simples, mas com mil e uma histórias por tras!
Beeeijoo...

Tiago Moralles disse...

Valeu Camila.
Bom ter você por aqui também.
Microbeijo.

Fernando Segredo disse...

Run Forest, run!

Renata de Aragão Lopes disse...

Aff...

PS: já reparou
como microcontos
produzem interjeições? rs

Tiago Moralles disse...

Nossa.

PS: Bem observado hehe.

Bárbara Guimarães disse...

Me diverti lendo suas palavras!
Te sigo! =)

Tiago Moralles disse...

Gostoso saber disso.
Brigado Bá.
Microbeijos.

Tâmara disse...

E bota risco nisso!...rs

beijos

Gordinha disse...

"Puta, você? nem pensar! Puta, você? Que que há!"

Isso me lembrou velhas virgens, mas mais sutil!

Quanto tempo não te visito!

Bjs!
=D

Ana Marques disse...

Já era.

Apaixonada, não é mais negócio, virou prazer.

Outro dia voltando pra casa de táxi da Lapa, batendo papo com o motorista, de repente ele me conta:

- Tenho uma cliente que é garota de programa e outro dia ela me disse o seguinte "No que eu faço, orgasmo é acidente de trabalho".

Eu acrescentaria que "se apaixonar refere-se a insalubridade"

:)

Beijo!

Tiago Moralles disse...

Sensacional Aninha hehe.
_

Faz tempo mesmo Gorda.
Saudade.