Microconto #152

Descobriu que àquela hora da noite os arbustos não costumavam se mexer sozinhos.

30 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

Adoro seus microcontos divertidos!

Gabriela Castro disse...

Gosto muito dos seus microcontos.

Fernanda. disse...

àquela hora!?!
...o que será que mexia os arbustos???

kkkk

Beijos.

Tiago F. Moralles disse...

Uma reunião de gente boa.
Valeu mocinhas.

Felipe A. Carriço disse...

São os vampiros vegetarianos, né?

Barbara C disse...

Poderia ser fruto se su imaginação ou inha gente que medo!

Sakana-san disse...

Minha madrinha disse que viu a mim e o Platão atrás do arbusto, mas, na verdade eram lembranças do seu passado amoroso. Ela tem Alzheimer.

Paulinha disse...

Aposto que foi o álcool que fez ele ver os arbustos se mexerem... =p

Tiago F. Moralles disse...

Imaginação, erotismo, ficção e terror, é pessoas, pode sair qualquer daí de trás.

Silvia Caroline disse...

pensei em sacanagem.

haha.

adorei.

Tiago F. Moralles disse...

Ae, mais uma comigo, valeu Sil hehe.

Estefani disse...

... seu subconsciente foi o que lhe revelou o mistério. Seus piores medos.

Carol Mioni disse...

E que a insônia traz descobertas!

Lara Amaral disse...

Cheios de sentidos e criatividade, como sempre. Seus microcontos são muito bons!

Bjos.

Ingrid disse...

pensei em sacanagem.
Haha, também pensei.
Pois é, tem que lugares variados são bem legais; vejamos qual será o próximo local. ;D

Talita Prates disse...

Hummmm... o mato. rs

(ai que idiota que eu sou...)

M.Bjo, Ti.

vanessacamposrocha disse...

os arbustos também amam!
obrigada por me visitar.
abraços

Marcelo Mayer disse...

imagino a cara do vô

Cadú!!! disse...

Mais um belo microconto! Falando nisso, tem uma parte no site do terra que tem microcontos! De José Rezende! Mas na boa...sem demagogia...seus microcontos são mais interessantes que os dele! Você consegue abrir e fechar idéias! Vai lá no Terra e exiga um microcontador a altura!ahhahahha!

Abs e Parabéns!

Luna disse...

poxa, cheguei atrasada de novo, rs.
pensei em sacanagem, claro.

mas sabe, pensei em algo tipo um serial killer pegando a moçinha de jeito, isso pareceu sacanagem também...

enfim, esquece o que eu disse.

Natalya Nunes disse...

Também pensei em sacanagem, mas, em tempos de Halloween, com certeza era uma alma penada...Né, Tiiiii?
rs

Daiana Costa disse...

Quem não pensou sacanagem, mentiu!

:*

Tiago F. Moralles disse...

Uau, mais um monte de álibis a favor da sacanagem.

Natália Corrêa disse...

Essas pessoas aí, pensando sacanagem...
haha
muito bom!

=D

Renata Luciana disse...

No cio se entregava sem nenhuma inibição.

Silvia disse...

Que indecência,no meu tempo as coisas eram diferentes.

A Moni. disse...

É o conhecido "moitel" rsrs.

Tiago, não entendi o "opostos" lá no comentário... Sorry...tô tão lenta...

carla l. disse...

Não tem como não pensar em sacanagem.

Vivian disse...

...pra ser sacanagem
precisa ser um senhor
arbusto...

rsrsrs


beijinhos, lindo!

Tiago F. Moralles disse...

Viu como todo mundo pensou sacanagem hehe.
Vivian, assim fico vermelho.